É tempo de recuperar altura, águia de Deus!

Ou é pelo teu mandado que se remonta a águia e faz alto o seu ninho? Habita no penhasco onde faz a sua morada, sobre o cimo do penhasco, em lugar seguro. Dali, descobre a presa; seus olhos a avistam de longe. Jó 39.27-29

A águia habita no lugar alto. Lugar alto é um lugar seguro. O lugar alto permite que ela tenha visão. A águia voa alto e na dependência do vento. Águia percebe o sopro do vento e vai planando, ela deixa que o vento a leve. A águia é símbolo do profético e de pessoas proféticas. Em 1Samuel 1.1, vemos que Elcana e Ana, pais do profeta Samuel, moravam em Ramataim-Zofim, cujo nome em hebraico significa "sentinelas em dupla altura". Eles geraram a Samuel, o "ouvido de Deus". Isto nos fala de pessoas proféticas, pois sentinelas ou atalaias apontam para profetas, o profeta era também chamado de atalaia (Ezequiel 3.17, Oséias 9.8). O atalaia era aquele que vigia ou observa do ALTO, com o objetivo de notificar um iminente perigo ou dar qualquer informação. Assim, pessoas proféticas são geradas nas alturas para viverem nas alturas, pois nos lugares altos as respostas que vêm do Alto são geradas!

Pessoas proféticas, simbolizadas pela águia, são pessoas de intimidade, de amizade de Deus, que habitam nos lugares altos. Pessoas proféticas discernem os tempos (Daniel 9.2)

Pessoas proféticas têm inteligência profética, como Daniel tinha inteligência de todos as visões e sonhos (Daniel 10.1, Daniel 1.17). Deus nos deu inteligência e raciocínio natural e louvado seja Deus por isso. Mas a inteligência natural não nos permite ver e conhecer o que vai acontecer ou está acontecendo na esfera espiritual. Precisamos desta inteligência profética que nos é dada pelo Espírito Santo que é o Espírito de Sabedoria e de Revelação.

Por que muitas águias de Deus precisam recuperar altura neste tempo? Porque ela foi perdida em virtude de frustrações, de desânimo, circunstâncias naturais, por ataques espirituais do inimigo, que tem a intenção de bloquear a visão para que nada saiba e sejam pegas de surpresa.


Olha o que diz Neemias 4.11

Disseram, porém os nossos inimigos: Nada saberão disto, nem verão, até que entremos no meio deles e os matemos; assim, faremos cessar a obra.

O inimigo tenta adormecer, distrair, tenta levar à passividade, entorpecer os sentidos espirituais para que pessoas não saibam, não vejam, para que ele tenta acesso e tente interromper propósitos. Mas Deus... Elias, por exemplo, se frustrou, se decepcionou, esperando um avivamento em Israel, após o episódio no Carmelo e a chuva derramada, o que não aconteceu da forma e no tempo que ele esperava. Ele fugiu para o deserto, mas Deus o restaurou através da reativação de propósito e Elias direcionado por Deus foi ao Monte Horebe, monte de Deus, e ali recebeu o sopro de Deus, o sopro da uma brisa suave do Espírito Santo e recuperou sua altura em Deus.

É tempo de recuperar altura, águia de Deus!

mas aqueles que esperam no Senhor renovam as suas forças. Voam alto como águias; correm e não ficam exaustos, andam e não se cansam. Isaías 40.31

Assista a mensagem completa em:

https://youtu.be/X-mNGMkGFUQ

16 visualizações1 comentário

Posts recentes

Ver tudo